26/10/2018

Terça do Conhecimento vai debater aborto legal

O evento acontecerá na Unit, na sala 46, bloco D, no dia 30

O tema pode ser polêmico, mas é de saúde pública. Por isso, a enfermeira Luciana Amorim vai discutir sobre Aborto Legal na próxima Terça do Conhecimento, dia 30 de outubro, às 9h, no Centro Universitário Tiradentes, na sala 46, bloco D, no bairro de Cruz das Almas, em Maceió.

O projeto é uma iniciativa do Conselho Regional de Enfermagem de Alagoas (Coren-AL) e em outubro tem com apoio do Associação Brasileira de Obstetrizes e Enfermeiros Obstetras em Alagoas (Abenfo-AL).

Luciana dará ênfase em contextos como o aprofundamento teórico conceitual mais amplo. Estima-se atualmente que a cada 11 minutos, uma pessoa seja vítima de estupro no Brasil. O aborto pós-estupro é um direito da mulher garantido pelas normas internacionais de direitos humanos, pela Constituição Federal e, especificamente, pela legislação penal.

De acordo com o estudo “Estupro no Brasil: uma radiografia segundo os dados da Saúde”, publicado pelo Ipea (Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas) em 2014,  7,1% dos estupros resultaram em gravidez, segundo dados do SUS de 2011.

O assunto diz respeito ao cuidado humanizado e dos direitos das mulheres vítimas de violência sexual.

Outubro Rosa

Na década de 1990, nasce o movimento conhecido como Outubro Rosa, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade, além de promoção ás questões específicas na saúde das mulheres.

Terça do Conhecimento

O projeto “Terça do Conhecimento” tem o objetivo de promover o estudo e o debate acerca de diferentes temas da Enfermagem, serão 12 palestras itinerantes até o final do ano.

As palestras são abertas ao público, não têm inscrição prévia e haverá entrega de certificado para quem solicitar mediante a lista de frequência.

Para o presidente do Coren-AL, Renné Costa, o objetivo do evento é trazer assuntos atuais, principalmente, para os profissionais e estudantes da área.

“Queremos promover conhecimento e aproximar o Conselho das pessoas”, afirmou Renné. Nesta edição, o evento deve debater sobre os cuidados de Enfermagem com o potencial doador, além dos cuidados no pós-transplante imediato.




  • Receba nossas novidades